Unidade de Monitoramento Virtual e Central de Alvarás estão sob novas gestões

Campo Grande (MS) – A Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen) realizou mudanças na direção da Unidade Mista de Monitoramento Virtual Estadual  e na chefia de sua Central Estadual de Alvarás. A designação dos novos gestores foi publicada no Diário Oficial do Estado  desta sexta-feira (9.2).

O agente penitenciário Ricardo Teixeira de Brito, da área de Segurança e Custódia, deixou  o comando da Central de Alvarás para assumir  a direção da unidade de monitoramento, que era dirigida pelo agente Hamilton Caetano da Rocha. Em seu lugar, foi designado o servidor Mauro Deli Veiga, também da área de Segurança e Custódia.

Representantes da direção da Agepen participaram nesta manhã  do ato de passagem de chefia da Central de Alvarás. Na oportunidade, o diretor-presidente da instituição, Aud de Oliveira Chaves, destacou que tanto a central quanto o presídio virtual são setores importantes e integram o processo de evolução que a instituição vem conquistando.

Novos gestores com representantes da direção da Agepen.

Currículo

Há 16 anos na Agepen, Teixeira possui formação em Direito e é pós-graduado em Ciências Penais. No sistema penitenciário, desenvolveu diversas funções, entre elas como chefe de equipe do Instituto Penal de Campo Grande (IPCG) e chefe Vigilância e Segurança no Presídio de Trânsito (Ptran).

Teixeira com representantes da direção da Agepen e equipe da Unidade de Monitoramento.

Em seus anos de trabalho também adquiriu bastante experiência no setor de Suporte e Treinamento do Sistema Integrado de Administração do Sistema Penitenciário (Siapen), e seu último cargo foi como Chefe da Central de Alvarás.

O agente Ricardo Teixeira de Brito afirmou que em sua nova gestão pretende continuar cumprindo a Lei de Execução Penal e demais legislações relacionadas, além de manter parcerias com o Poder Judiciário e realizar ações que priorizem a valorização do trabalho em equipe.

De volta à coordenação da Central Estadual de Alvarás, o agente penitenciário Mauro Deli Veiga foi o idealizador da centralização do processo de consultas de alvarás  na Agepen, trabalho que lhe rendeu a conquista do prêmio Sul-mato-grossense de Inovação na Gestão Pública em 2014.

Formado em Direito e com pós-graduação em Direito Penal e Processo Penal, Deli ingressou na Agepen em setembro de 1994. Em sua careira já exerceu a função de chefe de equipe do presídio de Segurança Máxima da capital, atuou como diretor do Centro de Triagem “Anízio Lima” e foi coordenador do setor jurídico do IPCG.

Texto: Tatyane Santinoni e Keila Oliveira.

Foto: Divulgação.