Bispo de Dourados leva palavras de fé e esperança a presídio de Caarapó

Categoria: Assistência Religiosa | Publicado: sexta-feira, junho 14, 2019 as 11:57 | Voltar

Caarapó (MS) – Como parte das ações de assistência religiosa apoiadas pela Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen), o Estabelecimento Penal Masculino de Regime Fechado de Caarapó recebeu esta semana a visita do Bispo Diocesano de Dourados, Dom Henrique Aparecido de Lima, que levou aos internos e servidores orações e palavras de fé.

Religiosos foram presenteados com artesanatos.

“Jesus não deixa de olhar para vocês e acreditar que também são sal da terra e luz do mundo. Todos fomos criados como filhos de Deus e por amor. Podemos cometer erros, mas nunca podemos perder a esperança”, disse Dom Henrique aos reeducandos, em referência ao evangelho lido durante a pregação.

A visita foi acompanhada pelo padre Deodoro Ribeiro e por agentes religiosos, que apresentaram cânticos de louvor. Na oportunidade, o bispo e o padre foram presentados pela administração do presídio com artesanatos feito pelos custodiados.

“Consideramos a assistência religiosa um dos pilares no processo de ressocialização, além de contribuir para a paz e tranquilidade no ambiente prisional”, ressaltou o diretor da unidade, João José Rauber.

Servidores também receberam orações.

A importância de proporcionar assistência religiosa integral para as pessoas em privação de liberdade possibilita novas perspectivas de futuro e mudanças de comportamentos dentro e fora da prisão. Desta forma, a agência penitenciária conta com 15 instituições religiosas, que realizam trabalhos voluntários nos presídios de Mato Grosso do Sul.

No Estado, esse trabalho voluntário nas unidades prisionais é coordenado pela Divisão de Promoção Social da Agepen. Atualmente, 133 grupos religiosos, de diferentes denominações, prestam este tipo de assistência à população carcerária de MS.

 

 

Colaborou agente penitenciário Fabio Manoel Casco Neto.

 

Publicado por: Keila Terezinha Rodrigues Oliveira

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.