Em Dourados, servidores penitenciários interceptam materiais ilícitos em pertences

Categoria: Sistema Penitenciário | Publicado: quarta-feira, junho 30, 2021 as 08:44 | Voltar

Corrente, chips de celular e drogas foram encontrados em tubo de pasta de dente.

Durante entrega de pertences no maior presídio do estado – a Penitenciária Estadual de Dourados, servidores da Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen) interceptaram materiais ilícitos escondidos em pertences. O flagrante aconteceu no último sábado (26.6).

Foram encontrados diversos papelotes de k4 (maconha sintética) dentro da costura de coberta, que foi entregue por um rapaz. Questionado, alegou que seria apenas uber e teria recebido R$ 50,00 pela corrida.

No mesmo dia, outra visitante foi flagrada com um tubo de pasta de dente recheado com nove chips de celular, uma corrente de metal e três porções de substância análoga à maconha.

Os internos envolvidos foram isolados preventivamente e responderão por um Procedimento Administrativo Disciplinar (Padic). Além disso, os materiais encontrados e os visitantes foram encaminhados à delegacia de Polícia Civil para registro de ocorrências e providências cabíveis.

Publicado por: Tatyane Oliveira Santinoni

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.