Fórum da comarca de Campo Grande recebe feira de produtos da Agepen

Categoria: Geral | Publicado: quarta-feira, dezembro 7, 2016 as 08:40 | Voltar

Campo Grande (MS) –Trabalhos artesanais da “5ª Feira Artesão Livre” – Especial de Natal, confeccionados em presídios, estarão expostos no Fórum de Campo Grande durante toda esta semana. Iniciada nessa segunda-feira (5), a exposição reúne, para a venda, tapetes, esculturas, enfeites em madeira etc., tudo confeccionado por detentos do Instituto Penal de Campo Grande, Presídio de Segurança Máxima, Centro de Triagem, Presídio de Trânsito e Estabelecimento Penal Feminino “Irmã Irma Zorzi”.

A ação é realizada por meio de parceria entre a Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen), Ministério Público Estadual, Conselho da Comunidade de Campo Grande, Tribunal de Justiça e Fundação Social do Trabalho (Funsat).

img_7219

Essa ocupação produtiva, além de gerar renda, garante remição de um dia de pena a cada três trabalhados. Outro fator importante que a feira pretende atingir é chamar a atenção de empresários para que se possam implantar parcerias de trabalho com o sistema penitenciário ou mesmo fazerem encomendas em grande escala para presentear seus funcionários durante as comemorações corporativas.

De acordo com o diretor de Assistência Penitenciária da Agepen, Gilson de Assis Martins, atualmente cerca de 389 reeducandos trabalham com artesanato nos presídios de regime fechado de Campo Grande. Conforme ele, tudo é monitorado pelo setor de trabalho de cada unidade prisional. “É importante proporcionarmos meios de reinserção social aos nossos custodiados e incentivar a prática do labor é muito necessária nesse sentido”, ressalta.

img_7240

Para o diretor-presidente da Agepen, Ailton Stropa Garcia, os artesanatos expostos são de qualidade e tem contribuído para os internos se manterem ocupados. “Esse trabalho com artesanato tem auxiliado na transformação e no comportamento dos internos, que se sentem motivados a realizarem a confecção, sendo que a renda arrecadada durante a exposição será revertida para os privados de liberdade que confeccionaram as peças, bem como para a confecção de novos artesanatos”. Seguindo Stropa, "a Promotora de Justiça Jiskia Sandri Trentin é a grande incentivadora das feiras que acontecem no Fórum local, não só no natal, mas, também, no dia das mães".

Publicado por: imprensaagepen

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.