Governo inicia formação de mais 240 futuros servidores da Agepen

Categoria: Sistema Penitenciário | Publicado: segunda-feira, março 7, 2022 as 14:33 | Voltar

O Governo do Estado de Mato Grosso do Sul iniciou nesta segunda-feira (7.3) a formação de mais 240 futuros servidores de carreira da Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen), aprovados em concurso público. Com carga horária total de 420 horas/aula, a capacitação contemplará 15 disciplinas e estágio nas unidades prisionais e tem caráter classificatório e eliminatório.

A abertura oficial do curso de formação foi realizada no auditório da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS). Na oportunidade, o diretor-presidente da Agepen, Aud de Oliveira Chaves, que representou o governador Reinaldo Azambuja no ato solene, ressaltou que, com mais estes alunos, o Governo contempla a convocação de todos os aprovados no último concurso. O dirigente reforçou, ainda, a importância do trabalho da Agepen para toda a sociedade.

Aud destacou a importante missão do servidor penitenciário na sociedade.

“Nós, servidores penitenciários de carreira, temos uma missão muito ampla, vai além de vigiar, custodiar e fazer escoltas, garantindo a segurança da população, temos que buscar políticas públicas que possibilitem a efetiva reinserção social. É preciso destacar o quanto o trabalho dos senhores será importante, devem executá-lo com responsabilidade e profissionalismo”, enfatizou.

Coordenada pela Escola Penitenciária (Espen), a equipe de instrutores do curso passou por processo seletivo, sendo formada por especialistas, mestres e doutores em suas respectivas áreas. Dentre os tópicos relevantes a serem abordados durante o curso, além de todo o funcionamento do sistema penal e legislações pertinentes, estão diversidade, qualidade de vida e as mudanças da Polícia Penal.

Durante a aula de abertura, o diretor da Espen, Vilson Guedes, reforçou que a Agepen ainda é uma instituição historicamente nova, mas possui um quadro funcional reconhecidamente qualificado, que nos últimos anos passou por formação, qualificação e aperfeiçoamento, ofertados pela escola penitenciária. “Com o propósito de melhor servir ao público”, pontuou.

Representando a Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), o chefe de Gabinete André Matsushita, destacou a necessidade e relevância do trabalho da Agepen no cenário da Segurança Pública do estado. “As polícias Militar e Civil prendem e ficam com estes indivíduos por algumas horas e os senhores terão que ficar em contato por até 30 anos e não só com a missão de custódia, mas a difícil tarefa também de ressocializar. O Governo precisa muito do trabalho e do empenho de vocês”, disse em discurso.

Os alunos Ester e Adilson falam sobre as expectativas da futura  nova profissão.

Ao todo, o Governo já convocou para o Curso de Formação Penitenciária cerca de 1.330 aprovados em concurso público desde o primeiro chamamento em 2016. Entre os convocados nesta última chamada, o aluno Adilson Soares de Paula deixou a carreira de 10 anos na Guarda Civil Metropolitana de Campo Grande para atuar na agência penitenciária na área de Segurança e Custódia. “Terei muito compromisso e responsabilidade com esta nova profissão, trabalhando com zelo. Irei aproveitar a oportunidade que está sendo dada”, afirmou.

Para a aluna Ester Lima Sales Pinheiro, da área de Administração e Finanças, o início do curso de formação é a realização de um sonho que ela aguarda há seis anos. “Espero aprender muito e que eu possa dar o meu melhor a esta profissão”, garantiu.

Também participaram da solenidade de abertura a diretora da Universidade Estácio de Sá em Campo Grande, Danieli Biacio, que cedeu a estrutura da faculdade para a realização do curso, e o presidente do Sindicato dos Servidores da Administração Penitenciária (Sinsap), André Luiz Santiago, entre outros, além de dirigentes e demais servidores da Agepen.

Publicado por: Keila Terezinha Rodrigues Oliveira

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.