Internas de Rio Brilhante aprendem técnicas de artesanato em bordado livre como fonte de ocupação e terapia

Categoria: Qualificação Profissional | Publicado: segunda-feira, junho 18, 2018 as 07:15 | Voltar

Rio Brilhante (MS) –Reeducandas do Estabelecimento Penal Feminino de Rio Brilhante (EPFRB) aprenderam a trabalhar com a produção de bordado em tecidos, o que garante ocupação produtiva às custodiadas.

A inciativa se tornou possível graças a um curso de “Artesanato em Bordado Livre”, realizado gratuitamente, por meio de parceria entre a Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen), Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) e o Sindicato Rural.

A qualificação teve como objetivo, além de agregar ao currículo uma capacitação profissional, proporcionar mecanismos que contribuam para o bem-estar das custodiadas, já que as técnicas aprendidas servem também como uma terapia, pois ajuda a desenvolver a paciência, a persistência e a disciplina.

Durante a capacitação, as internas puderam aprender pontos como hastes, corrente, cheio, margarida, folha, nó francês, caseado, palestina e atrás. Ao todo, 11 detentas foram qualificadas.

O encerramento do curso de Artesanato de Bordado Livre aconteceu no dia 8 de junho. Além da remição da pena, as reeducandas irão receber certificado de conclusão do curso ministrado pelo Senar.

Publicado por: Keila Terezinha Rodrigues Oliveira

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.