Na Máxima, servidores da Agepen flagram 25 equipamentos proibidos e três tabletes de droga arremessados pelo muro

Categoria: Geral | Publicado: quarta-feira, julho 1, 2015 as 13:23 | Voltar

Campo Grande (MS) – Durante vistoria de rotina na manhã desta quarta-feira (1º), servidores da Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen) encontraram próximo à muralha da Penitenciária Jair Ferreira de Carvalho ( Segurança Máxima de Campo Grande) cinco aparelhos celulares, quatro chips, 12 fones de ouvido e quatro carregadores para celular, além de três tabletes de maconha.

A droga e os equipamentos proibidos estavam nos fundos do pavilhão 1 e provavelmente foram arremessados de fora da unidade prisional pela muralha, não sendo possível a identificação dos culpados.

Também na Máxima da Capital, os agentes penitenciários apreenderam dois aparelhos celulares no início da noite de ontem (30). Os servidores avistaram o momento exato em que internos do Pavilhão 3 arremessaram os equipamentos pela janela da cela. Os detentos foram identificados e alojados em cela disciplinar.

 

Para o diretor-presidente da Agepen, Ailton Stropa Garcia, é notável que as apreensões registradas na Máxima e nas demais unidades prisionais do estado demonstram o empenho dos servidores penitenciários em realizarem um bom trabalho de interceptação de materiais proibidos, reforçando as medidas de segurança e disciplina.

Publicado por: imprensaagepen

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.