Policiais penais interceptam arremessos de 17 celulares e cerca de 1,5 kg de drogas em presídios de Dourados e Rio Brilhante

Categoria: Segurança Pública | Publicado: segunda-feira, novembro 9, 2020 as 15:34 | Voltar

Policiais penais impediram a entrada de materiais ilícitos arremessados pela muralha, durante o final de semana, nos presídios masculinos de Dourados e Rio Brilhante. Ao todo, foram apreendidos cerca de 1,5 quilos de entorpecentes, 17 aparelhos celulares e dezenas de acessórios como baterias, chips, carregadores, fones de ouvido, pendrives, cabo USB e cartão de memória.

No maior presídio de Mato Grosso do Sul – a Penitenciária Estadual de Dourados (PED) – os flagrantes aconteceu durante a madrugada de sexta-feira (6.11) e de sábado (7.11).

No primeiro caso, os policiais penais identificaram pelo sistema de videomonitoramento por volta das 1h28, a aproximação de um indivíduo arremessando um objeto para dentro da unidade penal e evadindo em seguida.

Imediatamente, a equipe do corpo de segurança se deslocou para as verificações pertinentes, onde foram encontrados um invólucro contendo 309 gramas de substância esverdeada análoga à maconha.

Já na madrugada de sábado, o flagrante aconteceu por volta das 04h, quando uma pessoa arremessou dois pacotes pela muralha próxima à torre 2. Logo após, dois internos foram flagrados saindo da cela pela grade, que foi serrada, na tentativa de pegar o material ilícito. Os policiais penais identificaram os presos, que foram encaminhados à cela disciplinar e responderão um Procedimento Administrativo Disciplinar (Padic).

Além disso, os pacotes também foram apreendidos pelos servidores e continham 893 gramas de substância análoga à maconha, um invólucro com 265 gramas de haxixe e três porções de cocaína. Também foram interceptados mais sete celulares, sete carregadores, duas baterias, três fones de ouvido, seis cabos USB e um cartão de memória.

No Estabelecimento Penal de Rio Brilhante (foto principal), os policiais penais detectaram pelo sistema de videomonitoramento um volume em cima da galeria D e dois indivíduos arremessando um material na direção da galeria B, também no último sábado (7.11), por volta das 15h40.

De imediato, um servidor saiu em direção ao fundo do presídio, na tentativa de identificar os transgressores, enquanto outros policiais penais que se encontravam no corredor das galerias B e D se depararam com alguns internos já montando uma pirâmide humana, sendo um deles na posse de um cabo de vassoura com um gancho de metal na ponta para tentar puxar o volume arremessado.

O banho de sol das quatro galerias foi encerrado imediatamente e os materiais ilícitos foram interceptados pelos policiais penais no telhado da unidade penal. No local, foram encontradas duas garrafas pets amarradas com cordas, contendo dez aparelhos telefônicos, dois pendrives, 20 carregadores de celular, três cabos USB, três chips e um adaptador de chip.

Todos os produtos ilícitos apreendidos em Dourados e Rio Brilhante foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil dos respectivos municípios para registro de ocorrência e providências cabíveis.

Publicado por: imprensaagepen

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.