SAD prorroga até o dia 27 prazo para realizar a Avaliação de Desempenho Individual; não cumprimento pode gerar punição

Categoria: Atenção Servidor | Publicado: quinta-feira, dezembro 21, 2017 as 15:21 | Voltar

Campo Grande (MS) – Servidores da Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen) precisam se atentar para a realização da Avaliação de Desempenho Individual (ADI), cujo prazo final foi prorrogado para o próximo dia 27. Esta é a última fase do novo modelo de gestão de pessoas, a Gestão por Competência. Para participar da ADI, o servidor deve ter realizado todo ciclo de avaliação de desempenho.

Conforme o decreto 14.719, de 18 de abril de 2017, a não participação no ciclo de gestão de desempenho pode acarretar processo administrativo por não cumprimento do dever. Até o início desta semana, apenas 39% dos servidores da Agepen já haviam realizado a terceira fase do ciclo de Gestão - ADI.

Nesta terceira etapa, todos que concluíram as duas fases anteriores (elaboração do Plano de Gestão de Desempenho Individual - PGDI - e acompanhamento) terão a oportunidade de se autoavaliar, serem avaliados, avaliar seus superiores e sua equipe. O programa de Gestão por Competência serve como uma ferramenta para a promoção por mérito e quem ficar de fora do ciclo, este ano, terá atraso nessa promoção.

O objetivo do Ciclo de Gestão é desenvolver as habilidades dos servidores do poder executivo estadual, elaborar capacitações conforme as demandas e utilizando as avaliações realizadas. Além disso, este programa possibilita a identificação dos indicadores de desempenho, verifica o que precisa ser melhorado e assim, aprimora o desenvolvimento das habilidades das pessoas.

Segundo a coordenadora do projeto, Ana Carina do Prado Verbisck, a terceira fase (ADI) é de extrema importância, já que consolida o processo de avaliação individual do servidor (gestores e equipes), com aplicação de pontuação que vai influenciar na carreira funcional, além de ser um feed back entre servidor e chefia.

Conforme o decreto 14.719 de 18 de abril de 2017, a não participação no ciclo de gestão de desempenho pode acarretar processo administrativo por não cumprimento do dever. Até o momento, apenas 39% dos servidores da Agepen já realizaram a terceira fase do ciclo de Gestão - ADI.

De acordo com Ana Carina, 135 agentes penitenciários não realizaram a primeira etapa do PGDI, e 42 servidores não efetivaram a segunda etapa que consiste no acompanhamento.

Agora nesta última fase, os servidores farão autoavaliação e do chefe imediato; os gestores irão se autoavaliar, avaliar o chefe imediato e a equipe. Somente devem realizar a ADI, os servidores que participaram das fases anteriores, sendo a elaboração do PGDI e o acompanhamento.

Para esclarecer dúvidas de como realizar o processo de Avaliação de Desempenho Individual (ADI), os servidores podem utilizar o simulador. Para isso, devem entrar na página do PGDI (clique aqui) e clicar no banner ao lado direito da página “Passo a Passo ADI”. Os agentes também podem entrar em contato com a Divisão de Recursos Humanos pelo telefone (67) 3901-1617.

Texto: Tatyane Santinoni e Keila Oliveira.

Publicado por: Keila Terezinha Rodrigues Oliveira

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.