Boas práticas no serviço público podem render até R$ 24 mil em prêmios para servidores do estado

Categoria: Servidor | Publicado: terça-feira, março 8, 2016 as 10:53 | Voltar

Campo Grande (MS) – Com o objetivo de incentivar os servidores públicos na produção de trabalhos sobre gestão pública, o governador Reinaldo Azambuja e o secretário de Administração e Desburocratização, Carlos Alberto de Assis, lançaram ontem (7), durante solenidade de assinatura dos contratos de gestão, o XI Prêmio Sul-Mato-Grossense de Gestão Pública – Inovação de Melhores Práticas no Serviço Publico, com prêmios que totalizam R$ 24 mil.

Além de permitir a identificação e divulgação das melhores práticas da administração pública, o Prêmio Sul-Mato-Grossense de Gestão Pública – Inovação de Melhores Práticas no Serviço Publico, de acordo com o secretário Carlos Alberto de Assis tem como objetivos fomentar a busca de soluções para os problemas diários; incentivar as boas práticas de gerenciamento no serviço público de Mato Grosso do Sul, valorizar os servidores, reconhecendo suas iniciativas e desempenho; e incentivar a geração de novos conhecimentos em gestão pública.

Em seu discurso o governador Reinaldo Azambuja lembrou que a participação do servidor é e tem sido fundamental em todas as ações estratégicas que o Governo vem implementando. “São eles que gerem a máquina pública e ninguém melhor que os próprios servidores para identificar possíveis gargalos e propor soluções. Todos nós sabemos que nas soluções mais simples que encontramos resultados transformadores”, observou.

Segundo o diretor-presidente da Escolagov, Wilton Paullino Júnior, iniciativa visa, além de reconhecer e premiar práticas inovadoras que geram avanços na realização do interesse público, estimular que servidores utilizem seus conhecimentos para aprimorar a gestão pública, compartilhando e difundindo experiências e práticas. “Um dos objetivos desse prêmio é incentivar a participação e a troca de experiências entre servidores na realização de práticas inovadoras e criativas para a gestão pública, formando uma rede”, pontua Paullino ao completar que os trabalhos serão selecionados e classificados em duas categorias; Práticas Inovadoras de Sucesso, que premiará trabalhos apresentados por meio de relatos de práticas, com resultados mensuráveis e Ideias Inovadoras Implementáveis que premiará trabalhos apresentados por meio de pré-projetos que possam ser implementados no âmbito estadual e que possam ser produzir resultados positivos.

As normas e procedimentos para participação no concurso serão estabelecidos por meio de edital que será publicado no Diário Oficial de Mato Grosso do Sul. O concurso será coordenado pela Fundação Escola de Governo de Mato Grosso do Sul e contará com a colaboração da Secretaria de Estado de Administração e Desburocratização (SAD), Secretaria de Governo e Gestão Estratégica (SEGOV), Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul (UEMS) e Fundação de Apoio ao Desenvolvimento do Ensino, Ciência e Tecnologia do Estado de Mato Grosso do Sul (FUNDECT).

Os trabalhos poderão ser inscritos de forma individual ou coletiva.

Rejane Monteiro – Comunicação SAD 

Publicado por: Keila Terezinha Rodrigues Oliveira

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.